O que é Halloween ?

Dia 31 de outubro é conhecido como Halloween. Mas como muitas outras datas comemorativas, e bem, existem muitas mesmo, o verdadeiro significado do Halloween foi esquecido ou perdido. Porque voce não acha mesmo que essa festa foi originalmente criada para que as crianças se empanturrassem de doces ou, para inspirar diversos filmes de terror, né?
Muito bem então, vamos aos esclarecimentos.


A história desta data comemorativa tem mais de 2500 anos. Surgiu entre o povo celta, que acreditavam que no último dia do verão conhecido pelos irlandeses  como Samhain (31 de outubro), os espíritos saiam dos cemitérios para tomar posse dos corpos dos vivos. Para assustar estes fantasmas, os Celtas colocavam, nas casas, objetos assustadores como, por exemplo, caveiras, ossos decorados, abóboras enfeitadas entre outros. Por ser uma festa pagã foi condenada na Europa durante a Idade Média, quando passou a ser chamada de Dia das Bruxas. Aqueles que comemoravam esta data eram perseguidos e condenados à fogueira pela Inquisição.
Com o objetivo de diminuir as influências pagãs na Europa Medieval, a Igreja cristianizou a festa, criando o Dia de Finados (2 de novembro).O Halloween foi levado para os Estados Unidos em 1840, por imigrantes irlandeses que fugiam da fome pela qual seu país passava e passa ser conhecido como o Dia das Bruxas e com o tempo foi estereotipado e ganhou novos elementos.
Porem, algumas tradições que reemcorporaram a cultura Celta, principalmente ligada a tradições mágicas como Wicca, mantem a data com o seu significado inicial. 


Desafio Literario- Livro reserva

Na madrugada passada terminei de ler mais um livro. Antes de Morrer de Jenny Downham é o livro reserva desse mes, que tenho orgulho de comentar com vocês agora.

Sinopse

Tessa é uma menina de 16 anos que tem uma doença incurável. Diante de seu imutável destino, ela organiza uma lista com o que gostaria de fazer antes de sua morte e parte em busca de realizá-la: se apaixonar, ter a primeira relação sexual, dirigir escondida, roubar coisas numa loja... viver o tempo que resta. Um tema doloroso, passado com leveza e doçura, em um texto verdadeiro e tocante, sem ser piegas.


Esse livro foi uma verdadeira surpresa para mim. Quando li a sinopse dele sabia que a história correspondia perfeitamente com o tema do desafio de outubro, Lição de vida. Imaginava que era a história de alguém que precisa conviver e suportar a certeza de uma morte proxima, algo já muito explorado pela literatura e o cinema., não tinha muitas expectativas alem disso. Mas, a história se mostrou muito melhor e mais original do que eu esperava.A autora soube escrever uma história tão proxima do real, que por vezes esquecemos que de fato é ficção. Não a pinturas ou disfarces, não é filme da Disney. Os personagens são humanos e imperfeitos, cada um a seu modo amadurecem com o problema, e não se tornam viloes ou mocinhos. São pessoas como voce ou eu. Poderia ser voce ou eu. E esse pensamento nos causa um aperto no coração.
Tessa sabe que vai morrer logo,  e sofre muito com essa certeza. Ela só tem desseseis anos e ainda nem viveu de verdade, passou a adolescência inteira sofrendo com a doença. Já que não pode mudar sua morte, tudo que resta a Tessa é escolher o que fazer com a vida que lhe resta. Então faz uma lista, que no decorrer do livro só aumenta mostrando como a garota tinha vontade de viver. Ela as vezes, muitas vezes, é egoísta, irresponsável e      não parece se importar com os outros. Mas, saber o que é certo ou errado em situações como essa? Além de todos os defeitos que tem há algo que a redime de qualquer falha, a coragem de lutar até o fim, até o ultimo suspiro, se apega a coisas pequenas, o barulho dos pássaros, o balanço das folhas, as histórias que lhe contam, e cada segundo passa ser precioso e único.
Posso definir esse livro como dolorosamente emocionante. Não contem para ninguém, eu chorei muito com os últimos capítulos. E, hoje acordei com uma dor de cabeça horrível e o questionamento incomodo "Será que estou aproveitando bem a dádiva incrível que é a vida?" Ainda estou pensando sobre isso até agora. O que significa que o livro é bom e cumpri sua missão: a vida acaba cedo ou tarde então aproveite. 

Eu Te Magoo, Voce Me Assombra

Quero indicar para vocês um livro que ainda nem foi lançado no Brasil, mas que eu li e achei muito bom. Na verdade ainda tenho muitos livro que li esse ano e ainda não comentei. Esse é  um deles.


Sinopse:
Garota conhece rapaz. A garota perde o rapaz. A garota tem o rapaz de volta ...Mais ou menos Ava não pode vê-lo ou tocá-lo, a menos que ela esteja sonhando. Ela não pode ouvir sua voz, exceto o fraco sussurrar de sua mente. A maioria acha que ela está louca, mas ela sabe que ele está aqui. Ela pensa em passar o resto de sua vida com ele. Ele está de volta dos mortos, como prova de que o amor realmente não conhece limites.


O que eu mais gostei nessa história, que diferente de tantas outras histórias com fantasmas, ela fala sobre sentimentos e emoções e não o sobrenatural. Não, que não goste de livros com elementos sobrenaturais, porque eu gosto muito, vampiros, bruxas, todos eles me fascinam. Porem a autora desse livro conseguiu de maneira breve e até mesmo  de maneira poética nos mostrar as duvidas, os medos, e a culpa que perseguem a  mocinha.
A Ava, protagonista da história, sofri muito com a morte do namorado, até parece desistir de viver. Então ele volta do mundo dos mortos. E agora Ava pode te-lo, mas, não como antes. Para ela está bom de qualquer maneira, e passa a viver em função desses encontros com o namorado fantasma. Mas, será que isso é o certo a se faz? ela vai ter que decidir se quer viver assim para sempre. 
Também gostei do final. é claro que não vou contar, é só que combinou com a historia perfeitamente. Como eu disse o livro é breve, mas  é emocionante do tipo que nós faz refletir.Ou talvez eu esteja mais sensivel porque tenho lido muitos livros refletindo sobre a morte. Seja o que for eu indico esse livro. Leiam e tirem suas conclusões. 

Livro: Como se Não houvesse Amanhã

Eu sou muito fã da banda Legião Urbana. Desde os treze anos eu ouço e viajo com as letras das musicas incríveis deles. por isso quando descobri a existência desse livro ele foi direto para minha lista de leitura. Pena que essa lista seja enorme, significa que vai demorar um pouco para eu ler. Mas, fica a dica para quem, assim como eu, é fã da melhor banda de Rock do Brasil.


Formada em 1982, a Legião Urbana – composta por Renato Russo, Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá – é talvez a mais bem-sucedida banda de rock brasileira. Suas músicas embalaram, e ainda embalam, os sonhos, as alegrias, as tristezas e os amores de muita gente. Mesmo tendo encerrado suas atividades de maneira não planejada e trágica, devido a morte de Renato Russo em 1996, a Legião Urbana continua presente na mente e nos corações de milhões de pessoas. Então, não é surpresa alguma que suas canções também sirvam de inspiração para muitos artistas em atividade no Brasil. Incluindo escritores.
Prova maior disso é o livro de contos “Como se não houvesse amanhã”, organizado pelo escritor Henrique Rodrigues, que traz vinte histórias inspiradas em músicas da Legião Urbana, cada uma escrita por um autor diferente. Além de ser uma homenagem à banda que se tornou um mito, “Como se não houvesse amanhã” é também uma amostra do que há de melhor na literatura brasileira contemporânea.
A exemplo das músicas da lendária banda formada em Brasília, os contos tratam de temas universais como amor, perda, revolta, indignação, morte. E, assim como as canções da Legião Urbana, os vinte contos deste livro são delicados, profundos, inquietantes e belos. E todos foram feitos para serem lidos em volume máximo – sim, em volume máximo, tendo a Legião Urbana como som de fundo.
Sinopse retirada do Skoob

Lista de autores e as músicas escolhidas para cada conto:
Alexandre Plosk  – Que país é este
- Ana Elisa Ribeiro  – Andrea Doria
- Carlos Fialho (RN) – Faroeste Caboclo
- Carlos Henrique Schroeder – Há tempos
- Daniela Santi  – Será
- Henrique Rodrigues  – Acrilic on canvas
- João Anzanello Carrascoza  – Pais e filhos
Manoela Sawitzki  – Giz
- Marcelo Moutinho  – Vento no litoral
- Mariel Reis  – Música de trabalho
- Maurício de Almeida  – Sagrado coração
- Miguel Sanches Neto  – Meninos e meninas
- Nereu Afonso da Silva  – Ainda é cedo
- Ramon Mello  – Sereníssima
- Renata Belmonte – Por enquanto
- Rosana Caiado  – Eduardo e Mônica
- Sérgio Fantini  – Música Urbana 2
- Susana Fuentes  – Quando o sol bater na janela do seu quarto
- Tatiana Salem Levy  – Tempo perdido
- Wesley Peres – Monte Castelo


Desafio Literario- Outubro

No décimo mes do desafio literário 2010 o tema é Lição de vida. O livro que escolhi foi Para Sempre Alice da escritora Lisa Genova. Na verdade eu li ele antes de outubro. Porque ganhei de presente em dezembro, no amigo secreto, e não aguentei esperar dez meses para ler.  


Para Sempre Alice




Aos 50 anos, Alice começa a esquecer. No início, coisas sem importância, como o lugar em que deixou o celular, até que, um dia, ela se perde a caminho de casa. Um diagnóstico inesperado altera para sempre sua vida e sua maneira de se relacionar com a própria família e o mundo. Ela descobre que sofre do mal de Alzheimer de instalação precoce. Alice  sempre foi uma mulher racional e independente, uma reconhecida professora universitaria, acostumada a cuidar de si mesma. A descoberta e a evolução da doença são retradadas de maneira realista, mostrando os sintomas, tratamentos e principalmente as dificuldades e problemas que causam na vida dela.  Apesar de tudo, doença degenerativa e incurável,  incompreensão, e preconceitos Alice segue sua vida e continua sendo a pessoa que sempre foi. E, quando não há mais certezas possíveis, só o amor sabe o que é verdade.

Quando eu vi que o tema seria lição de vida já sabia que ficaria emocionada com os livros. E foi o que aconteceu mesmo, eu chorei muito no final. Não que tenha um fim trágico e grandes acontecimentos, no começou até meio chato. Mas, conforme a história evolui parece tão real que o drama da Alice poderia ser de alguém próximo a mim, ou mesmo meu no futuro. Além disso, o livro é centrado nos sentimentos e emoções da pessoa com a doença , e não das pessoas ao seu redor. O que não é muito comum, já que se trata de uma doença degenerativa  Então a história é sobre uma mulher com mal de Alzeheimer, seus sentimentos, duvidas e emoções, enfim,  como ela convive com essa triste realidade. 
No geral, eu gostei muito do livro e recomendo. é uma história emocionante de uma mulher que é forte e batalhadora até o ultimo momento, que luta pela vida, por cada dia e cada momento vivido.
E deixo, só para reflexão, um trecho  muito bom do livro:

"Meu ontens estão desaparecendo e meus amanhã são incertos. Então, para que eu vivo? vivo para cada dia. vivo o presente. Num amanhã próximo, esquecerei que estive aqui diante de vocês e que fiz esse discurso. Mas, o simples fato de eu vir a esquece-lo num amanhã qualquer não significa que hoje eu não tenha vivido cada segundo dele. Esquecerei o hoje, mas isso não significa que o hoje não tem importância."


Para quem não sabe o que é o mal de Alzheimer um breve esclarecimento:
O mal de Alzheimer, ou doença de Alzheimer ou simplesmente Alzheimer é a forma mais comum de demência. Esta doença degenerativa, até o momento incurável e terminal. Cada paciente de Alzheimer sofre a doença de forma única, mas existem pontos em comum, por exemplo, o sintoma primário mais comum é a perda de memória. Muitas vezes os primeiros sintomas são confundidos com problemas de idade ou de estresse. Quando a suspeita recai sobre o Mal de Alzheimer, o paciente é submetido a uma série de testes cognitivos. Com o avançar da doença vão aparecendo novos sintomas como confusão, irritabilidade e agressividade, alterações de humor, falhas na linguagem, perda de memória a longo prazo e o paciente começa a desligar-se da realidade. As suas funções motoras começam a perder-se e o paciente acaba por morrer.

50 livros lidos e algo mais

Eu sei que faz tempo que não escrevo no blog. É que tenho me dedico a um antigo projeto, escrever um livro. Todos os apaixonados por livros em algum momento já pensou em ser escritor. Eu penso nisso a muito tempo. Já tinha começado varias vezes, mas, sempre fui muito critica, e no final meus escritos não passavam pela minha aprovação. Porem, agora estou levando a serio de verdade, estou com mais de 90 paginas em word, e todo o resto da historia pronta na minha cabeça. O problema agora é ter tempo para tudo o que quero fazer. Manter esse blog atualizado, completar o desafio literário, terminar a fanfic de Orgulho e Preconceito que escrevo, meu livro, poesias e contos que as vezes me sinto inspirada em escrever, e claro, minha compulsão por leitura (sempre leio dois, três livros de uma vez). E tudo isso contrabalançado com a rotina do dia-a-dia, trabalho, casa, familia.
pelo menos um desafio foi completado. Aceitei  proposta de ler 50 livros esse ano, e essa semana eu consegui alcançar esse numero de livros lidos. como ainda faltam dois meses para 2010 acabar espero chegar aos 60 livros. E no ano que vem, pretendo ler ainda mais, quem sabe chego nos 100 livros lidos em 2011. seria muito bom. Mas, tem que fazer muito malabarismo para alcançar esse objetivo.
Essa é a lista dos livros lidos esse ano ( tentei colocar em ordem de leitura)
  1. A maldição
  2. Enfrentando o fogo
  3. O símbolo perdido
  4. Para Sempre- Serie Os Imortais I
  5. Lua Azul- Serie Os Imortais II
  6. Stardust- O Mistério da Estrela
  7. O segredo do Vale da Lua
  8. Todo ar que respiras
  9. A Utopia
  10. Beastly
  11. Alguém para Amar
  12. Audácia
  13. Os Delírios de consumo de Becky Bloom
  14. O Beijo das Sombras- Vampire Academy I
  15. Aura negra- Vampire Academy II
  16. Promessa de Sangue- Vampire Academy 4
  17. Spirit Bound- Vampire Academy 5
  18. Bodas de fogo
  19. A esposa virgem
  20. Shadowland- Serie Os Imortais III
  21. Cidade das Cinzas- Mortal Instruments II
  22. Cidade de Vidro- Mortal instruments III
  23. cidade dos Ossos- Mortal Instruments I
  24. Sociedade Secreta- Ritos de Primavera
  25. Sorte ou Azar
  26. Agora ou Nunca
  27. O Duke e Eu
  28. Muito Mais que uma Princesa
  29. Pecados Sagrados
  30. Reino de Sonhos
  31. Três Metros Acima do Céu
  32. Sociedade Secreta- Sob a rosa
  33. Sociedade Secreta- Top e Vestido
  34. Tudo Por Amor
  35. Whitney, meu amor
  36. Comer, Rezar, Amar
  37. Hush, Hush
  38. Noite Eterna
  39. Rubro
  40. O Diabo veste Prada
  41. Vampiro secreto- Night World I
  42. As Filhas das Trevas- Night World II
  43. A voz do Sangue 
  44. Colina das Bruxas
  45. Centúrias
  46. Soul Love- A noite o céu é perfeito
  47. Eu Te Magoo e Voce Me Assombra
  48. Lenda
  49. Souvenir
  50. A Professora de Piano


Ainda não resenhei nem a metade. Então, mais uma meta até o fim do 2010: resenhar todos os livros lidos.

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Total de visualizações de página