O mundo de Sofia

hoje, 14 de julho, é o dia da liberdade de pensamento. é existe dia em homenagem a tudo mesmo nada mais justo que um dia em especial para algo tão importante como a liberdade de  pensamento. Tem uma frase do filosofo francês Voltaire que eu sempre lembro quando se fala de liberdade de pensamento e/ou expressão: 
"Não concordo com o que dizes, mas, defendo até a morte o direito de o dizeres"

Então pensando (viu como é importante) nesse dia vou comentar aqui um dos livros que mais gosto e que mais me fizeram pensar sobre muitos assuntos diferentes. O Mundo De Sofia de Jostein Gaarder .É um romance muito interessante  sobre filosofia, tudo haver com o dia ( filosofia = muito pensamento ).

Sinopse:
Às vésperas de seu aniversário de quinze anos, Sofia Amundsen começa a receber bilhetes e cartões postais bastante estranhos. Os bilhetes são anônimos e perguntam a Sofia quem é ela e de onde vem o mundo em que se vive. Os postais foram mandados do Líbano, por um major desconhecido, para uma tal de Hilde Knag, jovem que Sofia desconhece. O mistério dos bilhetes e dos postais é o ponto de partida deste romance, que vem conquistando milhões de leitores em todos os países em que foi lançado. De capítulo em capítulo, de 'lição' em 'lição', o leitor é convidado a trilhar toda a história da filosofia ocidental - dos pré-socráticos aos pós-modernos -, ao mesmo tempo em que se vê envolvido por um intrigante thriller que toma um rumo muito surpreendente

Sofia Amudsen  é uma jovem estudante que vê a sua vida mudar completamente por conta de cartas anônimas com as mais diversas questões existenciais: Quem é você? De onde você vem? Como começou o mundo? É assim que ela começa a entrar no mundo da filosofia. Atráves de muitas perguntas, e aulas de filosofia não convencionais, Sofia percebe a importância do pensamento filosófica, da observação e admiração sobre tudo e todos. E nós leitores temos a chance de conhecer mais sobre a história da filosofia e viajamos junto com ela nessa jornada de rever a vida e o cotidiano de uma maneira reflexiva. Porque no mundo de Sofia tudo, das coisas mais simples como acordar de manhã  ou as duvidas universais como a existência de Deus, tem um significado além, seja esse significado estudado por um filosofo a milênios atrás ou entendido por nós nesse exato momento.  
Eu li esse livro quando tinha 17 anos, já faz um tempinho e até hoje um livro que abordasse a filosofia de uma maneira tão envolvente que aproxima o leitor de assuntos que para alguns pode parecer difíceis e cansativos. Levanta as principais questões estudadas pelos pensadores de todos os tempos,  passando desde os filósofos gregos até os contemporâneos, abordando assuntos como  o Universo, o Homem, a Sociedade,  a História e o mais interessante, a nossa existência. Por isso eu recomendo O Mundo de Sofia, como livro e também como aula de filosofia.
Então que tal fazer como a Sofia e parar para refletir por alguns minutos sobre essas perguntas: 
Quem é você?
De onde você vem?
Qual sua importância no mundo?




Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. MINHA QUERIDA: PENSAR, PENSAR, PENSAR...
    AH!!! RAZÃO IFINITA, HORIZONTE AZUL ENCANTADO.
    SERIA ABSORVER E TRANSCENDER AO ORAR...
    VEM, VEM À CIDADELA SORRINDO, CHORANDO, CALADO.

    BEIJOS!!! WÉLLISSON.

    ResponderExcluir

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Total de visualizações de página